Os servidores que se preparem: Pokemon Go vem aí

Publicado em: 20 de julho de 2016

Funcionando em mais de 30 países, Pokemon Go ainda não alcançou os 200 que pretende. Entre problemas de servidores e até ataques, a desenvolvedora está tomando cuidado para não meter os pés pelas mãos e prejudicar o desempenho do jogo.

O jogo, nos EUA, é mais usado que twitter, tinder e tem mais engajamento que Facebook. Por lá, 16% dos Androids tem o jogo instalado e no Brasil, antes mesmo de ser lançado, já tem esse número em 2%.

Logo quando o foi lançado em 26 países europeus, os servidores desabaram, afetando até a jogabilidade nos Estados Unidos. A Niantic culpou o “incrível número de downloads”, enquanto um grupo de hackers chamado PoodleCorp se disse responsável e planejou outro ataque para 1 de Agosto.

No Canadá os servidores também cambalearam. É por isso que Pokémon Go ainda não foi lançado no Brasil: o tamanho da base de fãs que está louca pra botar as mãos no jogo provavelmente faz a Niantic avaliar bem a estrutura dos servidores e preparar o terreno para liberar o jogo por aqui.

Em outros países, há mais problemas ainda: Coréia do sul, Coréia do Norte e China. Nas Coréias há preocupação com os mapas do jogo, pois são “limitados” devido a questões de segurança com relação à Coréia do Norte. Já, na China, há obviamente a questão dos servidores, mas também “obstáculos” regulatórios que a empresa deveria passar.

Estamos ansiosos pra jogar Pokemon Go aqui no Brasil! Será que os servidores aguentam?